Como Aprender—Não é Estuando

Compartilhei recentemente as minhas idéias de aprender com dois dos meus afilhados. Como eles me deram as respostas positivas, pensei que eu compartilharia o meu conselho com todo o mundo. A aprendizagem é difícil. Muito mais desafiante do que estudar, que seria um pensamento sem importância exceto que demasiado do mundo acadêmico consegue resultados de prova, como se o grande número de resultados de prova seja o fim todos.

Embora eu aceite que o grande resultados de provas e a realização de certificados (por exemplo, instrução, fila de classe, ou licenças profissionais) são vias a oportunidades nova, desacordo que a obtenção de oportunidades é o objetivo da educação. Contudo, muitos políticos educativos aparentemente desacordam. É como se as pessoas inteligentes se tenham esquecido de que o que você faz com as suas oportunidades é um prognosticador muito melhor do êxito do que se você é concedido uma oportunidade. Exceto pela discriminação irracional, aqueles que aprendem não são negados por oportunidades, daqui aquele que se diferencia último daqueles que aprendem e aqueles que dá uma de inteligente não é quem adquire uma oportunidade mas quem cria o valor com uma oportunidade.

Por isso, quando as pessoas mostrem a sua primeira compreensão que a comemoração não está aprendendo, sugiro a seguinte via à aprendizagem — Esta via supõe que você esteja tomando na nova informação pela leitura, ao contrário da observação, embora os princípios apliquem qualquer modo que você reúne a informação. Um pouco deste conselho que recebi dos meus amigos na universidade de Howard em janeiro de 1981 e outros pontos que aprendi em todas as partes do resto da minha carreira acadêmica. Espero que o conselho estimule pensamentos positivos na sua mente. Além disso, espero que você deseje compartilhar os seus pensamentos com os seus amigos ou crianças, um dia.

Primeira Atividade

Leia o material todo sem escrever notas ou marcar as páginas. Se um resumo é disponível então neste caso primeiro leia o resumo e então o material.

Primeira Atividade Finalidade:

Depositar as idéias do autor na memória a curto prazo da sua cabeça.  Neste ponto do processo de aprendizagem, o seu cérebro está registrando os fatos e conceitos novos mas ainda não compreende como une os fatos com cada outro nem com as outra experiências que você armazena no seu cérebro.   Os passos de aprendizagem restantes estão desenhado estabelecer e intensificar as conexões futuras.  O estabelecimento de conexões é comumente denominado como aprendizagem, enquanto o conhecimento recorre à força relativa e o número de conexões no cérebro.

Segunda Atividade

Leia o material depois de intervalo (vente minutos no mínimo) de o primeiro litura e escreva notas do fatos e conceitos importantes. Não importa como toma notas, destaque o livro, use o caderno separado, ou grave-los digitalmente, apenas use a sua preferência. Contudo, as suas notas deve resultar em uma lista de perguntas que você pediria a alguém se eles esteja disponível enquanto leia.

Terça Atividade

Responda às perguntas do autor audivelmente. Os autores coloca perguntas geralmente ao fim do material ou às vezes dentro o material destacar o que é que acreditam são os pontos crucial. Enquanto responde a estas perguntas, recorra o material original e leia-o de novo, se necessário, para formar a sua reposta e continuar fazendo a sua lista de perguntas que você começou durante a segunda atividade.

Terça Atividade Finalidade:

A finalidade é construir as conexões dentro o seu cérebro. Você está somente na metade do caminho através a sua aprendizagem. Você vou achar provável, como eu fui, que todos autores não estão hábil igualmente no ensino dos seus conceitos. Uns autores estão mais fácil compreender. Apesar estas concernências sobre as extensão habilidades dos autores, você responde às perguntas audivelmente é o passo importante para formar as conexões na sua cérebro.

Quarta Atividade

Faça as perguntas na sua lista a alguém informado na área que você está aprendendo. Como você se melhora em fazer pergunta você virá para valorizar a habilidade necessitada desenvolver uma boa pergunta, mas não deixa a inexperiência descoroçoá-lo. Faça perguntas, e onde você pensa que você não tem uma pergunta, pede a confirmação do que você pensa que você sabe.

Os grupos de estudo são úteis com esta finalidade. Como você entende as respostas às suas perguntas, você encontrará provavelmente que múltiplas perguntas responderam simultaneamente. Assim, muitas das suas primeiras perguntas não são mais sem resposta.

Final Atividade

Explique o material ao discípulo igual e responda a perguntas criando analogias originais. Se não houver ninguém disponível, escreva um sumário do material com a condição de que você o está deixando para a seguinte pessoa que deseja aprender o que você agora sabe. Verifique com evidência cada afirmação no seu sumário, documentando a fonte das suas conclusões sumárias. Os grupos de estudo são freqüentados por discípulos simpatizantes, contudo, com os grupos de discussão de Internet, blogs, e wikis, você pode encontrar discípulos simpatizantes em todo o mundo.

A explicação de pensamentos mantidos dentro da sua mente é a etapa recompensadora do processo de aprendizagem, porque você dominou o material bastante bem para explicar a outros.

Agora onde estão as oportunidades que lhe permitem criar o valor?

Os meus afilhados tinham respostas semelhantes a esta informação, “faz sentido mas, quem tem o tempo para fazer todo este trabalho?” E a minha resposta é sempre o mesmo, “você tem o tempo, é difícil, e você tem de querer aprender, mas o tempo está disponível uma vez que as prioridades são alinhadas.”

Deixe uma resposta